Carmen Zanotto se reúne com Arthur Lira para tratar da sanção do piso da enfermagem e fontes de financiamento

A deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania/SC) reuniu-se na nesta quarta-feira (27) com o Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, para tratar da sanção presidencial do PL-2564/22, que fixa o piso da enfermagem, e das fontes de financiamento da proposta que deverão entrar na pauta do plenário da Câmara a partir do dia 1º de agosto.

“Estou muito otimista e acredito que vamos ter a sanção presidencial e as fontes de recursos para fazer frente aos impactos financeiros do piso, em especial na rede hospitalar. O texto foi encaminhado ao Presidente da República com esse compromisso, de garantir as fontes de financiamento. Precisamos agora do trabalho das duas casas, Câmara e Senado, junto com o Governo”, afirmou Carmen ao sair da reunião realizada na residência oficial no Lago Sul.

Fontes de Financiamento

Entre as fontes de financiamento destacam-se os projetos da desoneração da folha de pagamento (PLP- 205/21), de autoria da própria deputada Carmen Zanotto; do aumento dos royalties da mineração (PL 840/22); e o projeto da legalização dos jogos (PL- 442/91).

“A retirada das contribuições sociais da folha de pagamento das empresas do setor de saúde será suficiente para reduzir o impacto no setor privado. A ideia é que elas passem a pagar essas contribuições sobre o faturamento, como já fazem outros 17 setores”, lembra a parlamentar.

Agenda Extensa em Brasília

A Câmara Federal está em recesso até o dia 31 de julho, mas parlamentar está cumprindo agenda extensa esta semana em Brasília. Além da reunião com o presidente Lira, a deputada também esteve na Secretaria de Governo (Segov) no Palácio do Planalto, e ainda se reuniu com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para reforçar a importância da sanção presidencial ao projeto da enfermagem.

“Precisamos dar um pouco mais de dignidade para esses homens e mulheres que dão suas vidas salvando vidas. Com certeza teremos uma vitória”, finalizou Carmen.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!