Motociclista dá o ponto pé inicial da futura campanha eleitoral de Lages

A reportagem de Notícia no Ato, casualmente ao trafegar por um via pública da cidade de Lages, num cruzamento nosso carango teve que parar para obedecer o sinal “vermelho” do semáforo. Ato contínuo, um motociclista também procedeu da mesma forma. Porém, o repórter Marvadeza  percebeu que no capacete do piloto da motoca, tinha uma propaganda com os seguintes dizeres: “Jair Júnior 2020”. A maioria da população sabe perfeitamente que, esse nome é o de um vereador mais polêmico do Poder Legislativo de Lages. Ferrenho nas críticas, tanto quanto ou mais, que qualquer edil da Oposição na Câmara de Vereadores. E, pelo que se comenta extra oficialmente, Jair Júnior pretende colocar seu nome para participar do pleito eleitoral próximo, visando sua candidatura a prefeito de Lages. O que não se sabe é se o motociclista estava fazendo um propaganda gratuita, por sua livre e espontânea vontade, ou se o vereador já está em plena campanha eleitoral. A atitude do motociclista não é condenável. Afinal, ele como cidadão pode escolher qualquer nome para disputar um pleito eleitoral. E, por outro lado, devemos respeitar a liberdade de expressão. O capacete é dele, a opção pelo nome que está propagando também é dele, do motociclista. O que chama a atenção é ser o nome do polêmico vereador Jair Júnior, do mesmo partido do prefeito Antônio Ceron, do qual sofreu críticas recentemente do edil. Com essa atitude do motoqueiro, com todo respeito, foi o ponta pé inicial da campanha eleitoral vindoura.

Achou essa matéria interessante? Compartilhe!

Deixe um comentário