morauto_export WhatsApp-Image-2017-09-05-at-10.23.43 prefa-aok
camaralages_export
Participe pelo nosso WhatsApp

(49) 9 9119-9209

Hora local

4bcb15b604eea977056a47e42758ae82Na noite desta segunda feira, 10/07, a diretoria da Associação Empresarial de Lages (ACIL) recebeu em sua reunião semanal o comandante da 5ª Companhia de Aviação, Ten. Cel. Luiz Eduardo Ardigó da Silva, e o chefe de operações, Major Marcos Paulo Rangel. Na ocasião falaram sobre as operações do Águia 4, bem como, a parceria que mantém com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O comandante informou que desde 2015, quando iniciou as operações da 5ª Companhia de Aviação em Lages, o Águia 4 já atendeu um total de 855 ocorrências, entre elas destacam-se ocorrências policiais, resgates e socorro às vítimas. O Ten. Cel. Luiz Eduardo destacou que entre as principais vantagens em se utilizar o helicóptero estão o aumento na velocidade de ação e a flexibilidade e mobilidade nas operações. “Enquanto uma ambulância leva em torno de 15 horas, para percorrer 892 Km, fazendo o trajeto de Lages-Joinville-Lages, o helicóptero leva em torno de 2h16min”, declarou ele.

Outro ponto destacado por ele é a diminuição da criminalidade quando o Águia está no ar. “Nós conseguimos ver se há alguém escondido atrás de um muro, ou se está correndo no meio mato e assim auxiliar as viaturas a localizá-los. Uma aeronave sobrevoando determinada região equivale a 15 viaturas”, falou o comandante.

O Tenente Coronel também falou aos empresários sobre o projeto de suporte avançado em atendimentos pré-hospitalares, através do qual está pleiteando junto a Secretaria de Saúde do Estado, a disponibilização de uma equipe de Suporte Avançado de Vida (USA) específica para atuar integralmente com as guarnições do Águia 4, sem redução da capacidade de resposta por ambulâncias terrestres. O presidente da ACIL, Sadi Montemezzo, se propôs a colaborar pleiteando a aprovação deste projeto junto a Secretaria de Saúde.