morauto_export Moto-Center-Bike_aprovado 10633A_banner_700x100px-3
camaralages_export
Participe pelo nosso WhatsApp

(49) 9 9119-9209

Hora local

Me-e-filho-trabalham-juntos-na-ginstica-3Os Jogos Abertos de Santa Catarina reúnem muitas famílias para assistir às competições. Mas estar em família não se limita somente ao lado de fora das quadras. Dentro delas têm mãe e filho trabalhando juntos. Ou melhor, dentro dos tablados e elementos da ginástica. Este é caso da Jocélia e do Frederico Gonçalves, ela dirigente e ele árbitro da ginástica artística, que iniciou as competições na manhã desta segunda-feira, 6, em Lages.Se uma mãe já costuma ser babona, imagina a de um árbitro internacional. Mas para Jocélia, a necessidade dos dois separarem as coisas é fundamental. “Eu tenho orgulho de trabalhar com ele. E sei que meu filho - assim como todos os árbitros - é capaz de exercer sua função”, destacou a dirigente.Uma das experiências dos dois juntos aconteceu nas Olímpiadas do Rio. Jocélia ficou morando na cidade sede por quatro meses e era uma das responsáveis por organizar toda as competições da modalidade na disputa internacional. “Com certeza foi a melhor experiência da minha vida. Posso até estar novamente trabalhando em uma Olímpiada, mas não será como foi a em meu país”, lembrou.Frederico foi um dos selecionados pela Federação Internacional de Ginástica para compor a equipe de árbitros da Rio 2016. Ele, que faz parte de categoria 2, numa escala de 1 a 4, na qual 4 são árbitros iniciantes e 1 os mais experientes, avaliou as provas de salto. “Nós, árbitros, estamos aptos para avaliar qualquer prova, mas na Olímpiada fiquei em uma específica”, contou Gonçalves.O árbitro vivenciou um dos casos mais comentados nos Jogos do Rio, a fratura exposta sofrida pelo ginasta francês Samir Ait Said, um dos destaques da equipe. “Nos Jogos Olímpicos vivi algo completamente diferente do que estou acostumado aqui. Com certeza foi algo que me fez crescer muito profissionalmente”, avaliou.

Jasc: competição de alto nível

Além de Jocélia e Frederico, as competições da Ginástica Artística contam com outro nome olímpico. Valério Sato, que em Lages coordena a equipe dos árbitros, também esteve nas Olímpiadas do Rio.Segundo Valéria, a oportunidade dos Jasc de ter nomes que puderem vivenciar a Olímpiada garante ainda mais o nível da competição. “Com o conhecimento obtido lá, conseguimos repassar informações para técnicos e treinadores aqui, afinal, a ginástica é um esporte muito subjetivo e que necessita desta troca”, enfatizou.A coordenadora carrega consigo tabelas de elementos, que utiliza para avaliar as provas. “Esta tabela faz com que a gente veja de forma mais sábia e neutra, para que ninguém se sinta prejudicado”, explicou.As provas de ginástica artística se estendem até terça-feira, 7. Ainda nesta segunda serão conhecidas as vencedoras por equipe no naipe feminino, enquanto amanhã são definidos os vencedores por equipe no naipe masculino e o melhor ginasta de cada naipe.Os Jasc são uma promoção do Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a prefeitura e Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages.

Texto: Matheus Reis / Foto: Alessandro Koizumi

As-grandes-nem-to-grandes-da-ginstica-de-Santa-Catarina-1Quando perguntamos para as crianças o que elas sonham ser, geralmente ouvimos respostas como bombeiro, astronauta, professora, entre outras profissões. Mas para Sabrina Elias e Tainá José, desde os 6, 7 anos, a resposta estava na ponta da língua: “eu quero ser ginasta. Também pudera, ambas eram, conforme contam, “elétricas e espoletas”. Hoje, com 14 e 13 anos, respectivamente, as ginastas, que representam Chapecó, são consideradas não só o presente, como o futuro da ginástica artística de Santa Catarina, segundo a coordenação da modalidade.A história das duas se cruzou em 2010 num ginásio onde ocorriam treinamentos de ginástica em Criciúma. Em uma semana, com 10 anos a menos do que a equipe oficial que representava a cidade, elas foram convidadas para treinar com “os grandes”.E fizeram jus à oportunidade. Destacaram-se, primeiro, nas competições estaduais, sobretudo Olesc e Jasc, até chegarem aos campeonatos brasileiros. Sabrina Elias ficou entre as cinco melhores ginastas brasileiras na categoria pré-infantil no campeonato nacional de 2014. Em 2015, na categoria infantil, conquistou o primeiro lugar no campeonato brasileiro. “O ano de 2015 foi o que eu mais competi. E em todas as provas eu me saía bem”, contou.

Tainá José viu em 2016 a oportunidade de brilhar entre as melhores do Brasil. Lesionada e com cirurgia recém-feita, Sabrina não conseguiu acompanhar a amiga no brasileiro. A menina assumiu então a posição da ginasta e garantiu o 1° lugar. “Nossa história na ginástica é paralela à nossa amizade”, destacou Tainá.As ginastas chegam nesta 57ª edição dos Jasc vindo de bons resultados conquistados nos Joguinhos, neste ano, em Caçador. Na competição, conquistaram o 2° lugar por equipes junto da delegação de Criciúma. Além disso, Sabrina Elias garantiu prata no individual geral, ouro nas paralelas e bronze na trave, no salto e no solo. Tainá garantiu o ouro na trave, a prata no solo e o bronze nas paralelas.

O sonho das Olímpiadas

O sonho de criança das meninas, a ginástica, se misturava ao sonho de alcançar as Olímpiadas, inspiradas por Daiane dos santos. Hoje, ainda vivem a expectativa de chegar aos Jogos Olímpicos, mas com um objetivo um pouco diferente. Querem dar exemplo de que a ginástica artística pode ser um esporte mais valorizado e disputado não só por meninas.E elas têm conseguido, pelo menos em parte, fazer com que isto aconteça. As irmãs mais novas da Sabrina, que são gêmeas, já competem a nível estadual. As duas foram campeã e vice no Estadual de ginástica pré-infantil neste ano.

Técnico aposta nas garotas

O técnico Adriano Engelke, que as acompanha desde que iniciaram, acredita no potencial das meninas. Segundo ele, as ginastas são dedicadas e apresentam o biotipo da modalidade. “Sempre confiamos que elas chegariam longe e queremos vê-las entre os grandes nomes da ginástica brasileira”, avaliou Engelke.

Resultados parciais saem até o final do dia

Ainda nesta segunda-feira, 6, serão conhecidas as campeãs por equipe e geral no naipe feminino. Já nesta terça-feira, 7, serão conhecidas as campeãs por aparelho. O naipe masculino, que iniciou a competição hoje, define amanhã os campeões por equipe e individual.Os Jasc são uma promoção do Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a prefeitura e Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages.

Texto:  Matheus Reis / Foto: Antonio Carlos Mafalda

Lages comemora troféus no bolão, tênis e atletismo e sobe no quadro de medalhas

Um-domingo-de-prata-para-Lages-1O domingo, 5, foi de uma série de conquistas para a delegação de Lages nos Jogos Abertos de Santa Catarina. Os resultados começaram a surgir pela manhã com a segunda colocação no tênis por equipes no Serrano Tênis Club com a equipe formada por Flávia Andreazza, Giulia Andreazza. Manuela Martins Dallabrida, Luciana Dallabrida e Debora Hoeschl. Enquanto isso, a equipe de atletismo feminino no Estádio Vidal Ramos ia conquistando medalhas com Miriely dos Santos, prata no salto com vara. Nos 5000 metros rasos, Dione Chilleni, prata, e Josiane da Silva foi medalha de ouro.No início da tarde, o Bolão 23 masculino fez sua final e acabou com a medalha de prata. Itajaí foi campeã e Rio do Sul ficou com o bronze. Classificação final do Bolão 23:

1º Itajaí: 1418

2º Lages: 1410

3º Rio do Sul: 1406

Nas últimas provas do atletismo, à tarde, Lages conseguiu mais medalhas. Mariana Marcelino, recordista brasileira no lançamento do martelo, foi medalha de ouro. Eliane Martins, ouro no salto a distância, Monique Varmeling, ouro no salto em altura e Mônica de Freitas obteve a prata no salto em altura.Cristiane dos Santos, Tayra de Lima, Gerlucia Paulino da Silva e Natania Habitzeiter foram prata no revezamento 4x400 metros rasos fechando a competição e dando o título de segundo colocada para Lages na pontuação geral da modalidade.O superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Lages, Nilson Cruz, fez a entrega do troféu ao técnico de Lages, João Nunes, que, em agradecimento, citou o conselheiro dos Jasc Kalu Barbosa e o prefeito Antônio Ceron por acreditar no trabalho da equipe. 

Atletismo feminino, as campeãs:

Campeã: São José – 240 pontos;

Vice-campeã: Lages – 207 pontos;

Terceiro lugar: Joinville – 200 pontos.

Com as conquistas de domingo, Lages passa a ser a sexta colocada no quadro de medalhas, com 5 de ouro, 9 medalhas de prata e 3 de bronze. São José lidera com 45 medalhas, Itajaí em segundo com 31 e Joinville em terceiro lugar com 29.

Futsal masculino e futebol feminino terminam a primeira fase

Um-domingo-de-prata-para-Lages-1O time de futsal masculino de Lages enfrentou a forte equipe de Concórdia à tarde com o Jones Minosso quase lotado. Mesmo Lages fazendo uma boa partida, o resultado acabou com o placar de 4 a 3 para o time do Oeste. Com o resultado, Lages ficou em segundo lugar na sua chave, e, nesta segunda-feira, enfrenta o time de Tubarão pela fase eliminatória. O jogo será às 19 horas também no Jones Minosso.

Pelo futebol feminino, Lages empatou com Chapecó em 1 a 1 no Estádio do Sesi. Na segunda-feira, 6, as comandadas de Maycon disputam uma vaga para as semifinais contra Itajaí, às 16h30, também no Sesi.

Veja os resultados de Lages deste domingo, 5

Atletismo: segundo lugar na classificação geral do naipe feminino com 207 pontos;

Bolão 23 masculino: vice-campeão;

Futebol feminino: Lages 1x1 Chapecó;

Xadrez masculino: Lages 3x1 Lacerdópolis

Xadrez feminino: Lages 1x3 Florianópolis;

Confira a programação de Lages para segunda-feira, 6:

  

20h

Basquetebol masculino

Lages x Joaçaba

Ginásio Ivo Silveira

11h

Bolão 23 feminino

Lages x Rio Negrinho

Clube Caça e Tiro

18h30

Bolão 23 feminino

Lages x São José

Clube Caça e Tiro

19h30

Handebol masculino

Lages x Xanxerê

Centro Serra

20h

Voleibol Feminino

Lages x Brusque

Colégio Santa Rosa

19h

Futsal masculino

Tubarão x Lages

Jones Minosso

20h30

Futsal feminino

Lages X Tubarão

Jones Minosso

15h

Xadrez masculino

Lages x Concórdia

Serrano Tênis Club

15h

Xadrez feminino

Lages x Lacerdópolis

Serrano Tênis Club

Texto: Fabricio Furtado / Fotos do atletismo: Fabrício Furtado / Foto do futebol feminino: Fabio Riscarolli


 

PPS-Reunio-0311-10O PPS de Lages realizou a convenção municipal para a escolha dos dirigentes do partido no próximo biênio. Toni Duarte foi reconduzido ao cargo de presidente do partido. O vereador Maurício Batalha assumiu como vice-presente, 1º vice Gean Vargas, secretária, Cristina Subtil, Rosane Oliveira ficou como tesoureira e Suzana Duarte assumiu a coordenação de mulheres.

PPS-Reunio-0311-80A coordenação de assuntos estratégicos ficou sob responsabilidade de Maurício Neves de Jesus.Durante a convenção a deputada federal Carmen Zanotto, que é presidente estadual do PPS, ressaltou a importância da organização partidária e reforçou a participação das mulheres na política. “Estamos trabalhando por maior representatividade das mulheres na política, filiamos recentemente a delegada Marilisa Boehm, que foi candidata a vice-prefeita em Joinville.  O nosso partido está sendo procurado por lideranças de várias regiões do Estado que pretendem se candidatar nas próximas eleições”, destacou a parlamentar.Toni Duarte falou sobre a história do partido em Lages e disse que irá continuar trabalhando para fortalecimento da sigla prevendo os novos pleitos eleitorais.A deputada Carmen Zanotto também relatou as suas atividades na Câmara Federal, entre elas, a participação de algumas Comissões. Como da Seguridade Social e Família, Direito das Pessoas com Deficiência e como presidente da Frente Parlamentar de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer. E ainda alguns dos seus projetos, como o PDC que garante a realização de mamografia pelo SUS para as mulheres a partir dos 40 anos, que foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal na última semana.


Fotos: Zé Rabelo

Homenagem-Garro-de-Potro-DancasAntigas-18Na última sexta-feira (3), o grupo Garrão de Potro- Danças Antigas, composto por artistas de Lages e outras cidades do estado recebeu certificados de “Homenagem Especial”, da Câmara de Vereadores. A honraria concedida é pela participação do grupo no Encontro Mundial de Folclore, em Lima, no Peru, realizado em outubro deste ano. A homenagem foi proposta pelo vereador José Amarildo Farias (PT) e aprovada de maneira unânime pelos demais legisladores de Lages.
Em sua fala, o proponente destacou a importância do grupo que através da música trabalha para manter viva a cultura gaúcha. “Através desse importante e bonito trabalho vocês levaram o nome da nossa cidade até para outro país. Queremos com essa homenagem reconhecer e parabenizar o grupo que cultiva o tradicionalismo, as danças antigas e contribui para fortalecer a cultura gaúcha”, cumprimentou Amarildo. 
Foram homenageados 24 integrantes da delegação, entre músicos e dançarinos. Integram o grupo Garrão de Potro - Danças Antigas, o Centro de Tradição Gaúcha (CTG) Planalto Lageano, Anita Garibaldi, Barbicacho Colorado (Lages), os Praianos e Grupo de Arte e Cultura Querência Açoriana (de São José). “Agradeço toda a delegação que representou o Brasil nesse festival, tivemos experiências fantásticas. Essa homenagem certamente será carregada por nós como um troféu em reconhecimento pelo trabalho que fizemos”, agradeceu o chefe da delegação, João Maria Teles de Souza.
 
Integrantes homenageados do Grupo Garrão de Potro - Danças Antigas:
 
Idealizador do Projeto e Instrutor:
·         Anderson Pereira
Chefes da Delegação:
·         João Maria Teles de Souza
·         Silvia Regina Teles de Souza
 
Dançarinos:
·         Adriano Matos
·         Ana Paula Teles de Souza
·         Bartolomeu Rodrigues
·         Cidara Rodrigues Martins Avilla
·         Cristian Capistrano de Melo
·         Cristina Cardoso Rodrigues
·         Elizabeth Rosa Bitencourt Matos
·         Fernando Luiz
·         Guilherme Rodrigues de Campos
·         Jair de Souza
·         Karine de Souza
·         Leandra Ribeiro Paz
·         Leonardo Martins
·         Marcos Felipe Castilho
·         Rodrigo Avilla
·         Viviane Althoff Castilho
 
Músicos:
 
·         Elaine Matos
·         Gabriel Machado Luis
·         Guilherme Correa Garcia
·         Lucas Cassiano Soares de Oliveira
·         Pedro Junior Fontoura