anunciomorauto 17160764_1424815440902735_657849973_n
gsovos Agua Mineral EMP Oliveira aluminio ccc

Ressolagem de pneu causa acidente na BR-282 envolvendo Cerritenses

DSC_2000.jpg

Durante a tarde desta sexta-feira, 24, a Polícia Rodoviária Federal, atendeu uma saída de pista no km-230 da BR-282 proximidades da entrada para o Salto do Caveiras em Lages. Segundo a condutora do veículo Prisma MLZ-3463 de São José do Cerrito, Ângela Camila Lemos, de 27 anos, que tinha como passageiras em seu veículo, Vera Martins, de 31 e Zuleide Coelho Denis, de 31anos, foi desviar de uma ressolagem de pneu, e acabou perdendo o controle, saiu da pista, e desceu uma ribanceira, vindo  bater contra várias árvores às margens da via. As vítimas, com lesões leves, foram socorridas pelo ASU do Corpo de Bombeiros.

Engavetamento com três carros deixa dois feridos

DSC_2011.jpg

Um acidente de trânsito do tipo engavetamento envolveu três veículos na Rua João Pedro Arruda, Área Industrial de Lages e deixou dois feridos. De acordo com informações, por volta das 18h20min desta sexta-feira (24),  o veículo Monza placas LYT-2127 de Lages, de Douglas Cordeiro dos Santos, de 28 anos, pifou na subida da rua sentido Santa Helena /BR-116, Douglas puxou para o acostamento da via, para colocar uma gasosa, de vereda surgiu um Fiat Uno placas MAL-5562 de Lages, conduzido por Clair Correia dos Santos, 46 anos, e carcou na traseira do Monza, em seguida veio o micro ônibus Volare placas DJB-7185 de Correia Pinto, conduzido por Moacir Borges Assis, de 45 anos, empacotou o Uno, empurrando pra cima do Monza. A Polícia Militar compareceu no local, e fez o registro do acidente.

DSC_2007.jpg

DSC_2016.jpg

Prefeitura é parceira na oficina de captação da água da chuva

O evento está inserido na programação especial em comemoração ao Dia Mundial da Água

Prefeitura____parceira_na_oficina_de_capta____o_da___gua_da_chuva__4_.jpg

   Representantes técnicos e de projetos das Secretarias Municipais de Serviço Público e Meio Ambiente e Educação participaram na manhã desta sexta-feira (24), no departamento de Engenharia Ambiental e Sanitária da Universidade do Estado de Santa Catarina (Centro de Ciências Agroveterinárias - CAV/Udesc), da oficina de captação da água da chuva. A palestra foi ministrada pelo professor Dr. Everton Skoronski em parceria com a Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente. No encontro foram repassadas informações sobre a importância da água para o dia-a-dia e pela função vital dessa substância no organismo. A água também tem seu papel essencial nas atividades industriais e agrícolas. Com o grande consumo diário de água potável há a necessidade de utilização da água da chuva, estabelecendo assim, um consumo sustentável e consciente da água.

   Segundo a empresa de concessão dos serviços públicos de saneamento básico do estado de São Paulo (SABESP) para produzir 1 kg de manteiga são necessários 18.000 litros de água, já para o queijo 5.280 litros e para 1kg de carne de boi são gastos 17.100 litros em todo o processo. “A água da chuva pode ser utilizada nas residências para lavar calçadas e carro, irrigar o jardim, e também para sanitários e máquina de lavar roupa”, comentou a bióloga da Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Michelle Pelozato.   Hoje grandes estruturas estão aproveitando a água da chuva, como granjas, redes de supermercados, hotéis e também os estádios e arenas de futebol, construídos ou reformados, para a Copa do Mundo, realizada no ano de 2014 no Brasil. “Todo cidadão é convidado, juntamente com o Poder Público, a fazer a sua parte em relação ao consumo consciente e sustentável da Água”, salientou Michelle.

 Equipamentos para a reutilização da água da chuva

    Na oficina o professor Dr. Everton Skoronski apresentou também o sistema alemão de captação da água da chuva, como uma das alternativas de reutilização da água, evitando o desperdício. Muito comum na Alemanha, o sistema pode ser implantado nas residências a um custo baixo, comparando com o tamanho da economia na conta da água.   Estes equipamentos podem ser comprados, de forma pronta e completa, em lojas especializadas, ou improvisadas com o uso da criatividade, utilizando canos, galões e uma caixa d’água. 

Defesa Civil de Lages inicia projeto Defesa Civil na Escola “Educar para Prevenir”

O objetivo é fazer com que os alunos saibam identificar situações de risco e a postura que devem adotar para amenizar ou resolver o impasse

Defesa_Civil_de_Lages_inicia_projeto_Defesa_Civil_na_Escola_Educar_para_prevenir__3_.jpg

   A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Lages iniciou na quinta-feira (23), o projeto Defesa Civil na Escola "Educar para prevenir”. Para explicar o trabalho da Defesa Civil na prática, uma tenda foi montada no pátio da Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Bom Jesus, no bairro Bom Jesus. Dentro dela, os alunos do 4° e 5° ano receberam, ao longo de 22 oficinas, noções básicas sobre percepção e situações de risco.

   No final do projeto, que tem a parceria da Secretaria de Educação, os alunos saberão identificar uma situação de risco e qual postura devem adotar para amenizar ou resolver o impasse.

   “É um projeto piloto na cidade, mas faz parte da estratégia da Defesa Civil Nacional para inserir a Defesa Civil como tema transversal nas escolas do município. Queremos levar conhecimentos através de prática simples, de acordo com a realidade da comunidade local e tornar as crianças multiplicadoras”, explica o secretário-executivo de Defesa Civil, Jean Felipe Silva de Souza.

Serviço de Residencial Terapêutico Tipo II é sugerido em Moção Legislativa

terapeutica_300x204.jpg

O vereador José Amarildo Farias (PT), apresentou na sessão de terça-feira (21), a moção legislativa 052/2017, onde solicita ao Poder Executivo um estudo de viabilidade para a implantação do Serviço de Residencial Terapêutico (SRT) Tipo II. A Câmara Municipal aprovou o documento que será encaminhado ao prefeito Antonio Ceron (PSD) que junto das secretarias competentes deverão avaliar a recomendação proposta.

O programa tem por finalidade atender pessoas maiores de 18 anos, portadoras de transtornos mentais graves, que não possuem autonomia, ou seja, são indivíduos dependentes, que fazem uso de fraldas, possuem deficiência física ou têm histórico de internações psiquiátricas num período de dois anos ou mais e tiveram vínculos familiares rompidos. O número de usuários no SRT II pode ser de um grupo de no máximo 10 pessoas. O local para o funcionamento do serviço pode ser em uma casa ou ambiente que responda às necessidades de moradia, já que o objetivo do serviço é resgatar o vínculo familiar e tentar a reinserção na sociedade.

 A Portaria número 3.090/2011 do Ministério da Saúde, destina recursos financeiros para o custeio desses serviços, garantindo um repasse mensal de R$ 20 mil, aos municípios cadastrados no programa. Hoje, Lages possui sete pacientes com esse perfil, internados em outras cidades.

Pedidos ao Dnit geram requerimentos no Legislativo

zzzzzzz.jpg

 O vereador Lucas Neves (PP) apresentou e teve aprovados dois requerimentos direcionados ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) na sessão deliberativa de terça-feira (21). Os documentos indicam a fiscalização para alguns pontos da BR 282 e pedem o apoio do órgão na execução dos serviços.

O requerimento 024/17 solicita a fiscalização das marginais da BR 282, especificamente, na rótula do loteamento São Paulo, pois foram plantadas árvores frutíferas em toda a extensão da marginal, o que pode causar riscos aos condutores de veículos. “Ninguém é contra o plantio de árvores, elas devem ser plantadas para o bem do planeta, mas no local certo. Já foi comprovado que árvores nas margens das rodovias são um risco para a segurança dos motoristas”, justifica o vereador.

Já o requerimento 025/17 alerta o DNIT para a falta de iluminação e sinalização adequadas no entroncamento da rótula na BR 116 com a avenida Papa João XXIII. Esse trecho é um dos principais acessos ao município, sendo bastante utilizado para a travessia de pedestres, além de ter um grande fluxo de veículos de passeio e de carga. “Precisamos que sejam providenciados esses pedidos, pois trarão mais segurança e benefícios aos usuários da via”, defende Lucas.

Economia de R$ 110 mil mostra uma Câmara mais cuidadosa com o dinheiro público

Economia_de_R__110_mil_mostra_uma_C__mara_mais_cuidadosa_com_o_dinheiro_p__blico_2.JPG

Em coletiva realizada à imprensa lageana e membros da sociedade civil organizada, a presidente da Câmara de Lages, vereadora Aida Hoffer (PSD), apresentou um balanço dos gastos e investimentos realizados nestes primeiros três meses de trabalhos em 2017. O cenário é de redução de gastos em comparação a 2016, ao se registrar uma economia de R$ 110 mil somente em janeiro e fevereiro.Acompanhada por grande parte dos demais legisladores, a presidente da Câmara explicou que, entre as medidas tomadas, esteve a redução de 13 servidores em relação ao ano passado e gastos menores para o decorrer do ano com diárias, contratos, material de expediente e consumo. A ser mantido tal controle das despesas, a estimativa é de uma economia anual de R$ 833 mil. “São números que comprovam que é possível administrar a Casa com mais compromisso, responsabilidade e respeito ao dinheiro público”, disse Aida.Outro ponto enfocado pela presidente foram as reformas efetuadas no Plenário, nos gabinetes dos vereadores, nas áreas comuns e externa na sede do Legislativo Lageano. O próximo passo é buscar a regularização do prédio como alvarás e Habite-se.Aida também repassou informações sobre um site mais acessível e o processo de transformação de analógico para digital da operação da TV Câmara, que possibilitará que o canal possa operar na TV aberta. “É um ganho para toda a sociedade, trazendo transparência nas ações e um comprometimento muito grande com a população. (...) Será um canal aberto com o compromisso de levar a informação do Legislativo para dentro da casa do nosso cidadão lageano”, define a presidente.

Projeto Passeio Universitário será lançado no dia 29 de março

Múltiplas atividades serão desenvolvidas ao longo da tarde neste dia

Projeto_Passeio_Universit__rio_ser___lan__ado_no_dia_29_de_mar__o.jpg

   Está programado para o dia 29 de março, quarta-feira, às 14h, o lançamento do projeto Passeio Universitário, na praça em frente ao Centro Serra Convention Center. Nesta data haverá atividades informativas, recreativas, apresentações artísticas, contação de histórias, roda de conversa, coleta de materiais recicláveis, distribuição de hortaliças e plantio de árvores, iniciando o bosque pelos estudantes e instituições parceiras. Esta programação será desenvolvida entre 13h30min e 17 horas.

   De acordo com a presidente da Associação Comunitária Passeio Universitário (ACPU), Silvia de Oliveira, a comunidade do bairro Universitário tomou a iniciativa de propor a mudança no destino de uma área que seria um estacionamento de aproximadamente 4.500 metros quadrados em frente ao Centro Serra, situado na rua Archilau Batista do Amaral. “Esta comunidade, através de seus moradores e também de associações de bairros vizinhos, está se empenhando para que nesta área seja formado um espaço público para a educação e prática de atividades voltadas à sustentabilidade ambiental e social, como horta comunitária urbana, espaço agroflorestal, mini jardim botânico, labirinto e espaço terapêutico. Por isso, foi instituída então a Associação Comunitária Passeio Universitário com enfoque no desenvolvimento de pessoas e aprimoramento do exercício da cidadania.” A proposta é que o terreno passe a ser utilizado para educação ambiental, fomentada e coordenada de maneira coletiva pela comunidade, com a implantação de uma horta sintrópica (tentativa culta de conseguir o necessário daquilo que precisamos para nos alimentar), portanto, que agregue princípios e técnicas de produção de alimentos integrados à floresta.

   O evento contará com a participação de diversas instituições, como as secretarias da Saúde, Serviços Públicos e Meio Ambiente, e Educação, Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Polícia Militar Ambiental, Serviço Social do Comércio (Sesc), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), Instituto Federal de Santa Catarina (Ifsc), Centro Vianei de Educação Popular e a Irmandade Nossa Senhora das Graças. No dia 20 de fevereiro o prefeito Antonio Ceron recepcionou integrantes da Associação, quando a entidade foi apresentada e formalizado o pedido para que o Município concedesse a área em questão para novo aproveitamento.

Definida a data da realização dos JASC em Lages

A data escolhida em consenso entre os representantes da Fesporte, Governo do Estado e a Prefeitura.

Definida_a_data_da_realiza____o_dos_JASC_em_Lages__1_.JPG

   Em reunião na tarde desta quinta-feira (23), no gabinete do prefeito Antonio Ceron, em conjunto com o vice-prefeito e presidente da Comissão Central Organizadora (CCO), Juliano Polese, o presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Caetano Junior, o Vadinho, e demais dirigentes da entidade, ficou definida a data da realização dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), em Lages, para acontecer entre os dias 03 e 11 de novembro de 2017. O ginásio Jones Minosso será o local da abertura. “O mês de outubro foi descartado em razão de diversos agravantes que conflitariam com as festas de outubro entre outras questões”, salientou o prefeito.

   A data aprovada ocorreu depois de uma conversa por telefone entre o prefeito Antonio Ceron e o governador Raimundo Colombo, e ainda com o aval do secretário Turismo, Cultura e Esporte, Turismo Leonel Pavan. Na ocasião também foram postas na mesa várias ideias. Entre elas, a confecção de um vídeo institucional sobre os JASC, e a realização de uma solenidade de lançamento em cinco cidades polos do Estado, culminando com Lages, marcando os 100 dias para a abertura oficial dos Jogos Abertos. Outras proposições como a criação de uma mascote, confecções de camisetas, entre outras, mereceram espaço nas discussões.

    Os desdobramentos como é o caso da divulgação e da solenidade de abertura, seguirão acontecendo com frequência, e de forma conjunta entre Fesporte, ADR Lages, CCO e a Prefeitura.

Farmácia Básica é reabastecida com medicamentos em caráter emergencial

Farm__cia_B__sica____reabastecida_com_medicamentos_em_car__ter_emergencial__11_.JPG

O problema da falta de medicamentos se arrasta desde janeiro. Os estoques estavam praticamente zerados quando a nova equipe da administração municipal assumiu a gestão. Também não havia sido encaminhado um processo licitatório

Nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (23) pessoas já formavam filas na Farmácia Básica do município, vinculada à Secretaria da Saúde. O motivo da aglomeração foi a chegada de uma carga de remédios para renovar o estoque, que estava em situação precária.

O problema decorrente da falta de medicamentos básicos se arrasta desde janeiro deste ano e chegou a uma situação crítica. De acordo com o diretor administrativo da Secretaria, Rafael Peletti, os estoques estavam praticamente zerados quando a nova equipe da administração municipal assumiu a gestão. Também não havia sido encaminhado um processo licitatório para a aquisição de mais remédios, processo que normalmente é moroso e, dependendo do número de recursos solicitados pelos concorrentes, pode ultrapassar os 90 dias.

Foi necessário iniciar todo o processo, desde o quantitativo e orçamentos, para realizar uma compra emergencial, com dispensa de licitação para que a Farmácia Básica pudesse atender a demanda. “Recebemos o almoxarifado com estoque de medicamentos muito reduzido e a maioria dos funcionários de férias, dificultando a agilidade em montar o processo de compra. Fizemos uma verdadeira força-tarefa, com um mutirão entre os funcionários, para conseguir tomar as providências o mais rápido possível”, afirma Peletti.

O contrato emergencial com seis fornecedores foi homologado no dia 6 de março, no valor de R$ 310 mil. A compra compõe 83 itens de medicamentos, dos quais já foram entregues 54 e outros nove devem chegar até segunda-feira (27). O restante chegará nos próximos dias, conforme o compromisso firmado com outros fornecedores. “Os próprios fornecedores também apresentam problemas, pois nem sempre eles têm os medicamentos solicitados no estoque. Mas temos muitas parcerias, até mesmo com hospitais, que nos emprestam medicamentos ou fazem um adiantamento para que possamos amenizar a situação”, declara o diretor.

A demanda de pessoas que procuram pelos remédios aumenta a cada semana, não dando condições de se ter uma previsão precisa do estoque para os próximos meses. A expectativa de que o alívio à população, que busca por medicamentos todos os dias, seja de aproximadamente um mês e meio, até que a licitação que está em andamento esteja concluída ou ao menos bastante adiantada. Este processo licitatório para aquisição de remédios deve atender, além da Farmácia Básica, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps), o Pronto-Atendimento Tito Bianchini, a Policlínica e todas as 23 Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Kloppel 1 simprol Posto  Grazziotin aaaa AkeXCmBWpLMVd3pE9p3HDS3M4fMUk6hf1RCfPsLJzXgu
an_fish 11112 Moto Center Bike_aprovado 2 beto WhatsApp Image 2017-02-18 at 14.16.12 1
Discbal_Baterias WhatsApp Image 2016-08-05 at 16.18.01 1 WhatsApp Image 2016-12-15 at 15.03.16
aeroar Luciano motos Super gas nevaturvertical

TELEFONES ÚTEIS

  • Água - SEMASA
    115 / 3224-4855
  • Bombeiros
    193
  • Delegacia Regional de Polícia - Lages
    3289-8200
  • Hospital Infantil Seara do Bem
    3251-7700
  • Hospital N. S. dos Prazeres
    3221-6400
  • Hospital Tereza Ramos
    3251-0022
  • Polícia Militar
    190
  • SAMU
    192
GUINCHO 1 Guaruaja

PREVISÃO DO TEMPO

CONTADOR

8858305
Hoje
Ontem
Essa Semana
Última Semana
Esse mês
Último Mes
Todos os Dias
5816
7919
82536
7305527
403788
499846
8858305

IP: 10.15.68.19
Server Time: 2017-03-26 19:42:51
postosam